Acerca

Este site é sobre carros eléctricos. Já não é cedo para a Humanidade tentar esbater a sua enorme pegada ambiental e preocupar-se com modos de locomoção mais eficientes e amigos do Ambiente. Nunca foram tão necessários e pode-se dizer que já vêem tarde.

Há bem mais tempo que o Homem deveria ter colocado o petróleo de lado e laçado mão da tecnologia que lhe permita dispensar os poluentes motores de combustão interna que equipam a generalidade dos nossos meios de transporte.

Protótipo de carro eléctrico - Mazda Kaan

Os carros eléctricos – os puros, pois já vão existindo no mercado casos, até bem sucedidos, de modelos híbridos – são alimentados por baterias eléctricas que armazenam a energia na própria viatura.  Estas baterias são recarregáveis da mesma maneira que o são as dos nossos computadores portáteis e telemóveis, aliás a tecnologia baseia-se no mesmo elemento, o Lítio.

Não esqueceremos neste espaço os veículos híbridos, que utilizam tanto os motores eléctricos como outros motores, nomeadamente de combustão, mas a coqueluche de tudo o que escrevermos será com certeza o EV – do inglês electric vehicle.

Não vivemos num mundo ideal, e como tal os carros eléctricos não são objectos perfeitos.Embora não produzam poluição atmosférica devido à ausência de motores de combustão interna, acabam por ter algum custo ambiental, na medida em que para produzir a energia que o recarrega, é necessário actualmente causar algum dano. Algumas das formas de a produzirem são ainda hoje fruto da queima de combustíveis fósseis.

No entanto, este argumento não faz grande sentido e é apenas utilizado pelo lobbying do petróleo. No mundo inteiro, e nós portugueses sabemos bem dissso, hoje em dia, a energia vai sendo gerada através de formas cada vez mais limpas, como a energia solar e energia eólica.

Neste aspecto aliás, não estamos atrasados em relação aos outros países, e pode-se dizer que até lideramos, na medida em que temos assistido em Portugal a um grande impulso destas formas de produção de energia eléctrica. Em termos institucionais foi mesmo aprovadop recentemente o Programa para a Mobilidade Eléctrica em Portugal  Mobi-e, onde o famigerado Carro Eléctrico Português tem um papel principal.