Baterias

Carros Eléctricos serão o que as baterias de Lítio ditarem

Uma futura geração de baterias de lítio-ar pode ser a tão procurada fonte de energia para os carros eléctricos, proporcionando-lhes autonomia semelhante à dos carros a gasolina e a gasóleo da actualidade. A gigante IBM tem vindo a evidenciar um grande interesse nesta tecnologia, tendo-se proposto mesmo a estudar a hipótese de multiplicar por dez a capacidade de armazenamento das baterias actuais. Objectivo que se auto-impôs para antes do fim da próxima década.

baterias de litium para carros eléctricos

Não é provável que a IBM ela mesma entre no sector das baterias. Em princípio fará esta entrada à custa de um parceiro com conhecimento e experiência comprovados no domínio das baterias ultraleves. A estratégia seria análoga à da Tesla Motors, a empresa californiana que produziu um carro eléctrico topo de gama com base num sistema de baterias computadorizado baseado em sensores. A Tesla tomou 6800 baterias de iões de lítio usadas em aparelhos electrónicos comuns, como os nossos vulgares telemóveis, para implementar um bloco único de 450 kg.

A situação ideal

Em Setembro decorreu nas instalações da IBM, uma reunião de especialistas de baterias. O Prémio Nobel da Física Burton Richter, foi um dos participantes, que no fim se  declarou optimista quanto à evolução desta tecnologia. Actualmente já se estudam formas de substituir as baterias puramente de Lítio, juntando este elemento com outros, como o enxofre. Os investigadores que estão a explorar alternativas de lítio-ar e lítio-enxofre atestaram na conferência da IBM, que estas novas baterias para além de poderem resolver os problemas de segurança, poderão alargar o mercado dos carros movidos a energia solar.

Para que se tenha uma noção das melhorias envolvidas a este nível, as baterias de iões de lítio da actualidade conseguem fornecer cerca de 585 watts-hora por quilograma, enquanto as ainda estudas e desejadas de lítio-enxofre têm a possibilidade potencial de assegurarem 2600 watts-hora e as de lítio-ar mais de 5000 watts-hora.

Se puderem para da ideia à prática, as baterias de lítio-ar seriam ideais para ser usadas em veículos eléctricos, dado o seu potencial de energia, mas também o reduzido peso. Já existem baterias de zinco-ar, com a grande desvantagem de não serem recarregáveis, ou que não acontece com as de lítio-ar

Dificuldades

Infelizmente passar do papel para a vida real nem sempre é fácil. Na indústria automóvel que se preocupa imenso com a segurança, e onde o custo é um factor decisivo, o advento das baterias de lítio-ar não será provavelmente para já, isto porque não se prevê para breve que possam estar com níveis de segurança e de preço aceitáveis.


Comentários

2 comentários para “Carros Eléctricos serão o que as baterias de Lítio ditarem”

  1. sou adepto do carro electrico e sigo o tema, mas infelizmente, para já, não parece viavel, porquê ?? para alem do cronico problema da autonomia que com as novas baterias de litio com muito melhor relação energia/peso me parece em grande parte resolvido não vejo ninguem falar do problema das mesmas “viciarem” ou seja com o tempo a sua capacidade de armazenar energia vai-se degradando e sendo o custo de substituição das mesmas cerca de 40% do custo total do veiculo, passado 2/3 anos colocar baterias novas é um custo insuportável…
    há muito tempo que não ouvia frase tão acertada:”CARROS ELÉCTRICOS SERÃO O QUE AS BATERIAS DITAREM” sejam estas de litio ou não…

    Colocado por joão gomes | 15 Maio 2010, 22:58
  2. Para aqueles que queiram saber mais sobre litio-ar procurem na net… mas o litio puro e alguns compostos derivados, têm o inconveniente de serem altamente reactivos à humidade do ar… penso ser esse o principal problema relativo à segurança (ninguem gosta de explosões ou incêndios).

    O litio não é uma boa aposta dado a limitada quantidade que existe no mundo.

    O desenvolvimento de meta materiais aplicáveis na area, embora promissor, tem sido lento.

    Além desse, o desenvolvimento de soluções de fuel cells baseadas em hidrogenio encontra alguns problemas de durabilidade e segurança/preço que tornam a implementação dificil.

    Existe ainda a ideia do ultra/super condensador (tem vários nomes, mas é um ‘capacitor’ com uma capacidade extraordinaria) que ainda está muito longe de providenciar uma autonomia util para o espaço/peso que requer.

    As baterias de litio levam muito mais tempo a viciar do que as tradicionais NiMH … ao fim de 2/3 anos existe uma diminuição na autonomia… mas só ao fim de 5 anos ou mais essa diminuição pesa na utilização do carro. Ainda assim não deixa de ser verdade que o custo é insuportável.

    O problema dos carros electicos é um: O armazenamento de energia… resolve-lo pode ser um bico de obra :/

    Colocado por zebarnabe | 31 Maio 2011, 4:05

Deixe um comentário

Relacionados

Veja lá onde manda reparar o seu veículo elétrico
Setembro 15, 2013
Por admin
GM acompanha Chevrolet Volt com a produção de baterias
Janeiro 8, 2010
Por admin
Siemens quer recarregar veículos eléctricos em 6 minutos
Janeiro 3, 2010
Por admin
Baterias de carros eléctricos para armazenar a energia eólica
Agosto 11, 2009
Por admin
EDP diz que carregamento de carros eléctricos não admitirá intermediários
Julho 28, 2009
Por admin

Blogroll

Tudo sobre a compra e a venda de ouro usado. Notícias sobre ouro físico, cotação do ouro, e mais ...